Elétrico mais vendido do mundo, Nissan lança oficialmente o Leaf no país por R$195.000


Apresentado no Salão do Automóvel de Frankfurt de 2017 e em regime de pré-venda desde o Salão do Automóvel de São Paulo de 2018, a Nissan enfim lançou o Leaf oficialmente em nosso mercado. O hatch elétrico, o mais vendido do mundo, chega ao país em versão única e com preço maior que o modelo de pré-venda. Ele deve ser vendido em concessionárias especiais das capitais: Curitiba, Florianópolis, Rio de Janeiro, São Paulo, Porto Alegre e Brasília. A expectativa é emplacar anualmente 200 unidades. A segunda geração traz a nova filosofia de design da marca japonesa, que lembra os últimos lançamentos da marca, como March e Kicks. No design, a dianteira ficou bem curvada e adota faróis de LED com lentes horizontalizadas e LEDs diurnos, bem como friso “V-Motion” devidamente cromado com grade falsa estilizada. O compartimento de recarga fica logo acima, mas abaixo do capô. O para-choque possui aplique central preto e uma grande abertura, além de faróis de neblina e moldura bem fluída. A coluna A conta com vigias laterais e as janelas laterais contam com novo recorte, enquanto as janelas da traseira continuam pequenas. Já as colunas C tiveram a base elevada, característica estética da Nissan e presente em vários modelos, incluindo o “nosso” Kicks. A traseira, ponto de maior crítica da antiga geração, adotou lanternas bumerangue, assim com um aplique em preto brilhante. A vigia é única e há um defletor de ar bem volumoso. O aspecto esportivo do Nissan Leaf também é reforçado pelo protetor traseiro mais elevado, que traz um difusor de ar. O teto agora pode ter acabamento preto. 


No interior, fica claro um parentesco com March e Kicks, com volante de base chata, com quadro de instrumentos analógico e digital, com display TFT de 7 polegadas no quadro de instrumentos, como no Kicks. Os difusores de ar centrais são os mesmos. Já a multimídia tem uma aparência exclusiva, assim como o ar-condicionado automático e o console com o botão de marcha. A central é de conectividade para Android Auto e Apple CarPlay. Ele ainda traz o sistema E-Pedal, que utiliza pedal único para aceleração e frenagem, esta última regenerativa. Com 4,48 metros de comprimento, 2,70 metros de entre-eixos, 1,79 metro de largura e 1,56 metro de altura, com coeficiente aerodinâmico de 0,28Cx, porta-malas de 435 litros e peso de 1.590kg. Previsto para ser lançado em junho, mas o problema para conseguir o CAT (Certificado de Adequação à Legislação de Trânsito) causado após a troca de governo acabou atrasando o cronograma. Além disso, o veículo vem da fábrica em Sutherland (Inglaterra), que atende o resto da Europa. Aqui ele deve ser vendido com motor elétrico que desenvolve 149cv de potência e 32,6kgfm de torque, acoplado a um câmbio CVT especial para o elétrico. Ele conta com uma autonomia de 240km e chega aqui apenas na versão S. O hatch usa o conjunto de baterias 40kWh que leva 40 minutos para recuperar 80% da carga em uma estação de recarga rápida. Caso não queira recorrer a posto público, o motorista poderá usar Wallbox de 6,6kW em casa, que leva 8 horas para levar as baterias a 100%. A instalação deste Wallbox está incluso no preço do veículo. O pacote traz ainda um cabo a bordo para recarga em tomada comum, tendo adaptador de 20 amperes para isso. Nesse caso, o tempo de recarga é de 20 a 40 horas, dependendo da voltagem (220V/110V). Os preços do hatch subiram R$16.600 em relação à pré-venda, quando era vendido por R$178.400.


Leaf S

De série é equipado com o pacote Nissan Intelligent Safety Shield que traz seis airbags, ar-condicionado automático, chave presencial, piloto automático adaptativo, câmeras com visão 360º, alerta de colisão frontal, frenagem autônoma de emergência, alerta de mudança involuntária de faixa, alerta de tráfego cruzado, controles de tração e estabilidade, Isofix para a instalação de assentos infantis, monitoramento da pressão dos pneus e auxiliar de partida em rampa para o Leaf. A lista ainda conta com bancos de couro, comandos no volante para piloto automático, computador de bordo e sistema de áudio, painel de instrumentos com tela digital de 7 polegadas, acabamento de couro para o volante e vidros elétricos para todas as portas.


Preço

  • Nissan Leaf S - R$195.000



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Iveco já testa nova geração do Daily no país, que pode chegar ainda em 2019 ao Brasil

Volkswagen deve apresentar Polo reestilizado em 2021, de acordo com sindicato

Curiosidades: Os modelos mais vendidos do Brasil em 1981!

Peugeot 1008 deve ser apresentado na Europa em 2020, com plataforma CMP

Renault Megane Sedan vem ao Brasil até final de 2019, com motor 1.3 12v TCe Flex de 170cv

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1996!

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!

Nova geração da Renault Oroch com Cabine Simples? Preparadora desenvolve picape do novo Dacia Duster