Depois do fracasso da fusão com nipo-franceses, FCA aposta alto investimento em elétricos


Depois da fusão com a Renault não dar certo, a FCA confirmou o investimento em elétricos a nível global. O grupo ítalo-americano começou a dar seus primeiros passos rumo à eletrificação com Jeep Renegade e Compass Hybrid Plug-in e em 2020 deve apresentar a nova geração do Fiat 500 EV. A FCA ainda desenvolve uma plataforma específica para carros elétricos, que deve ser produzida em Mirafiori, na Itália, no segundo semestre de 2020. O plano é apresentar o novo 500 no Salão do Automóvel de Genebra em março do ano que vem, com produção na unidade de Mirafiori, graças ao investimento de 700 milhões de euros no complexo industrial, dedicados a construção de uma nova linha de montagem. A estimativa é que tenha uma capacidade de produção anual de 80 mil unidades, com possibilidade de expandir a produção. O número de carros feitos por ano dá ao entender que a marca pretende fazer com que a fábrica seja um polo de exportação. A nova plataforma foi feita para que as baterias fiquem posicionadas no assoalho do carro e, para ter espaço, o entre-eixos ficará maior. De acordo com Pietro Gorlier, Chefe da FCA Europa, assegurou que “o plano está confirmado”. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Retrômobilismo #105: Edra Rancho TT, o jipe nacional que chegou quando os importados chamavam atenção!

Volkswagen Neo GTI pode desenvolver entre 306cv a 408cv de potência, segundo site

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!

Tushek apresenta o TS900h H Apex, híbrido que desenvolve 950cv de potência

Curiosidades: Carros de Fórmula 1 tem o sistema ABS?

Volkswagen deve apresentar Polo reestilizado em 2021, de acordo com sindicato

Mercedes-Benz lança oficialmente o Classe A Sedan no Brasil por R$139.900

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 2001!