Depois da minivan Triber, Renault fala em SUV com 4 metros de comprimento


Depois da Renault apresentar a minivan compacta Triber na Índia, a Renault volta a focar no desenvolvimento de um novo carro baseado no Kwid. Depois da Renault usar da linguagem para o hatch de “O SUV dos compactos”, o próprio Kwid deve ganhar um SUV subcompacto com cerca de 3,99 metros de comprimento. Desenvolvido na Índia, o modelo deve ser revelado em 2020. A informação foi revelada por Fabrice Cambolive, Vice-Presidente Sênior da Grupo Renault na Ásia, em entrevista ao Economic Times. O executivo disse que o segmento abaixo dos quatro metros de comprimento é bastante interessante na Índia e nos demais mercados emergentes. O SUV do Kwid deve ser lançado no próximo ano, seguindo a estratégia da marca francesa de apresentar um novo carro a cada um ano. Ele deve ser desenvolvido sobre a plataforma modular CMF-A, em uma versão chamada de CMF-A+ com um entre-eixos alongado. Assim como na Triber, entre os eixos há uma distância de 2,63 metros de comprimento, o que dá ao entender que o SUV também deve nascer com a proposta de ter espaço para até sete ocupantes. Ele deve ser lançado com motor 1.0 TCe Turbo, com opção de câmbio manual ou automatizado, ambos de cinco marchas. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Novo Hyundai SantaFe deve ser lançado ainda neste mês de setembro no Brasil

Renault Megane Sedan vem ao Brasil até final de 2019, com motor 1.3 12v TCe Flex de 170cv

Vazam imagens dos novos Hyundai HB20S e HB20X em gravação de comerciais

Motores 1.0 e 1.4 EVO da Fiat devem se despedir do mercado a partir do segundo semestre desse ano!

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!

No segundo semestre, Fiat Toro deve ganhar motor 2.4 16v Flex e 2.0 MultiJet mais potente e 1.8 em 2017

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Novo Classic deve chegar em 2014

Comparativo Nº5: Os folgados: Cobalt x Grand Siena x J3 Turin x Versa x Symbol

McLaren comemora sucesso nas vendas no Brasil e confirma GT para outubro