Pela primeira vez no país, Volkswagen confirma início das vendas do Jetta GLi no Brasil


A Volkswagen confirmou o início das vendas da versão GLI do Jetta no mercado brasileiro, que substitui a versão Highline no catálogo de versões do sedã médio. Importado do México, o sedã médio esportivo ganha elementos nas cores preta e vermelho nos detalhes, tanto no visual externo como interno. No exterior, ele ganha novo para-choque dianteiro com entrada de ar inferior ligada ao nicho dos faróis de neblina. Na grade dianteira, um friso vermelho centralizado se une com as luzes diurnas de LED dos faróis, enquanto o logo GLi aparece num canto da grade, em estilo colmeia. Na traseira, destaque para o pequeno spoiler no porta-malas e as saídas duplas de escape redondas, além de novas rodas de 18 polegadas e freios do Golf GTI. Os retrovisores são em preto brilhante e o logotipo lateral é vermelho. Frisos da carroceria são pretos, enquanto as lanternas ganham lentes escurecidas. Os freios com pinças vermelhas e acabamento preto. O diferencial blocante nas rodas dianteiras ajuda nas curvas, enquanto a traseira recebeu suspensão independente multilink no lugar do eixo de torção das versões civis. O motor 2.0 TSI é o diferencial do carro, que desenvolve 230cv de potência com torque de 35,7kgfm, podendo ser vendido com câmbio manual de 6 marchas ou automático de dupla embreagem de 7 marchas, DSG. Abaixo a Volkswagen revelou treze pontos do Jetta GLI no mercado nacional. 


1. 13º da lista de 20 lançamentos
Integrante de número 13 da lista de aproximadamente 20 novidades que a Volkswagen prometeu lançar no Brasil até 2020, o Jetta GLI é também estrela da chamada "ofensiva sedã" da marca. Iniciada pelo Virtus, seguido do Voyage com câmbio automático e do próprio Jetta em versões convencionais, a estratégia tem por objetivo posicionar a empresa como uma das líderes na oferta de veículos três-volumes no país, desde o segmento de entrada até a categoria de esportivos.

2. Nome originário dos anos 1980
Apesar de estar sendo usada pela primeira vez no Brasil, a nomenclatura GLI é conhecida desde a década de 1980 nos Estados Unidos. Segundo a VW, surgiu como parte da estratégia de esportivos da marca no mundo, sendo uma alternativa à consagrada sigla GTI, porém mais relacionada à classe dos sedãs. As letras vêm justamente do nome Gran Luxury Injection (GLI).

3. Um sedã feito para entusiastas
Segundo a Volks, um dos principais objetivos do Jetta GLI é justamente reconectar a marca com o público entusiasta. A ideia é resgatar aquele consumidor que sonhava em ter um esportivo nos anos de 1980 e 1990 e trazê-lo para esta nova realidade. A marca destaca principalmente o público de mais de 30 anos que, no passado, ouviu falar nas siglas GT ou GTS.

4. Aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 7 segundos
Principal destaque do modelo, o DNA esportivo não poderia ficar de fora desta lista. Com 230 cv extraídos do motor 2.0 TSI, o Jetta GLI cumpre a tarefa de acelera de 0 a 100 km/h em apenas 6,8 segundos. Ajuda no resultado a transmissão DSG de 6 marchas e dupla embreagem, além de características exclusivas como sistema de direção progressivo (permite fazer curvas com menor movimentação do volante) e suspensão independente nas quatro rodas - uma exclusividade do GLI, já que as versões 1.4 TSI usam eixo de torção na traseira. 

5. Design diferenciado com detalhes exclusivos
Para se diferenciar das outras versões, o Jetta GLI aposta numa dose extra de tempero no visual. Entre outras novidades, há novos para-choques dianteiro e traseiro, grade com elementos em formato de colmeia, friso horizontal vermelho conectando os faróis, faróis Full LED, difusor e aerofólio na tampa do porta-malas, entre outros. Na cabine, as mudanças continuam com detalhes escuros no forro do teto, colunas, laterais das portas, painel e bancos.

6. Recheado de fábrica
Como não poderia deixar de ser em uma versão esportiva posicionada no topo da gama, o Jetta GLI vem recheado de itens de série. Entre os principais, destaque para o painel digital Active Info Display, volante com shift paddles, bancos em couro com regulagem elétrica e sistema de aquecimento, sistema de seleção do perfil de condução e iluminação ambiente ajustável em 10 tonalidades. Outro diferencial é que, até as primeiras revisões (10.000 km, 20.000 km e 30.000 km), o custo será zero.

7. Conectividade à toda prova
No quesito conectividade, a Volkswagen destaca a presença do sistema de entretenimento Discover Media, que roda numa tela sensível ao toque de 8 polegadas e permite conectividade avançada com os smartphones por meio do App-Connect (Android Auto, Apple CarPlay e Mirrorlink) e oferece navegação integrada.

8. Um carro digitalizado
O Jetta GLI vem de fábrica com o chamado “manual cognitivo”, que usa IBM Watson para responder ao motorista questões sobre o veículo, incluindo informações contidas no manual do carro. A VW diz que esse tipo de solução permite uma experiência tecnológica de interagir com o veículo.

9. Sistema de som premium
Além dos itens citados acima, é item de série o sistema de som da grife Beats. O dispositivo conta com 300 watts e amplificador digital de 8 canais, além de 4 alto-falantes, 2 tweeters e um subwoofer com ajustes especiais. A VW diz que esse tipo de som é exclusividade do Jetta GLI na categoria.

10. Segurança reforçada

Entre os principais itens de segurança, o Jetta GLI conta com piloto automático adaptativo (ACC), Front Assist com função City Emergency Braking, Sistema de Frenagem Pós-Colisão, Função de Frenagem de Manobra (RBF) e regulagem automática do farol alto (FLA). Completam o pacote 6 airbags e sistema Isofix para fixação de cadeirinhas infantis.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Retrômobilismo #105: Edra Rancho TT, o jipe nacional que chegou quando os importados chamavam atenção!

Volkswagen Neo GTI pode desenvolver entre 306cv a 408cv de potência, segundo site

Tushek apresenta o TS900h H Apex, híbrido que desenvolve 950cv de potência

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!

Curiosidades: Carros de Fórmula 1 tem o sistema ABS?

Mercedes-Benz lança oficialmente o Classe A Sedan no Brasil por R$139.900

Volkswagen deve apresentar Polo reestilizado em 2021, de acordo com sindicato

Peugeot 1008 deve ser apresentado na Europa em 2020, com plataforma CMP