MG inicia a produção do utilitário esportivo Hector na Índia, na fábrica de Halol


A Morris Garages iniciou a produção do Hector na fábrica indiana de Halol, Gujarat. O SUV médio deve concorrer diretamente com o Tata Harrier e iniciou a produção no país asiático, apesar do Hector também ser exportado para a maioria dos países vizinhos. Para a produção do Hector na Índia, a fábrica aumentou sua capacidade de 80 mil carros por ano para 200 mil por anos. Baseado no Baojun 530, o Hector será vendido somente com espaço para cinco ocupantes. Desenvolvido em parceria com a SAIC-GM, o Hector deve se destacar por trazer um motor eletrificado. Ele foi flagrado na semana passado com um logotipo “Hybrid” na tampa do seu porta-malas, durante sessão de fotos. Ele deve ser equipado com um motor micro hibrido de 48V junto do motor 1.5 Turbo de 143cv. O sistema deve proporcionar um torque de 2kgfm adicional e também deve contar com um sistema de recuperação de energia durante a frenagem, para recarga da bateria que deve ser usada. O novo SUV da Baojun foi escolhido pela MG, onde a marca ainda teria escolhas entre as marcas SAIC, GM e Wuling. O Hector deve ser vendido apenas com carroceria de cinco lugares e visualmente deve herdar todos os traços do modelo chinês. Entre as tecnologias, ele deve ser vendido com central multimídia com Apple CarPlay, Android Auto e Mirror Link. Também terá uma câmera de visão de 360º e uma instrumentação com uma generosa tela a cores. Na mecânica ele deve ser vendido com motores 1.5 Turbo a gasolina ou 2.0 Turbo Diesel de 173cv. O câmbio deve ser manual de 6 marchas ou automático com a mesma quantidade de marchas.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Volkswagen deve apresentar Polo reestilizado em 2021, de acordo com sindicato

Peugeot 1008 deve ser apresentado na Europa em 2020, com plataforma CMP

Audi confirma novos RSQ7 e RSQ8 até meados de 2020 como forma de expandir linha RS aos SUVs

Motores 1.0 e 1.4 EVO da Fiat devem se despedir do mercado a partir do segundo semestre desse ano!

Chevrolet confirma fim de linha do Captiva, depois de nove anos de mercado e mais de 60.000 unidades

Curiosidades: Os veículos mais vendidos do Brasil em 1998!

Renault Megane Sedan vem ao Brasil até final de 2019, com motor 1.3 12v TCe Flex de 170cv

Curiosidades: Carros de Fórmula 1 tem o sistema ABS?