Ferrari apresenta SF90 Stradele Hybrid, que se torna a Ferrari mais potente já produzida


A Ferrari apresentou oficialmente a SF90, o seu primeiro lançamento deste ano. A marca revelou o superesportivo híbrido, com produção em série, diferente da LaFerrari com produção especial. A SF90 pode rodar ainda com mais potência e com modo totalmente elétrico e mesmo assim deve ser a Ferrari mais potente de todos os tempos. Usando o mesmo nome do carro de Fórmula 1, a SF90 usa o “Scuderia Ferrari” para dar nome às suas iniciais SF e o 90 que comemora os 90 anos de fundação da Ferrari. Segundo a marca do cavalinho amarelo, a SF90 "uma ligação forte as Ferraris de pista e de rua", permitindo que possa "usar todo o conhecimento adquirido nas competições em seus carros de rua". A SF90 Stradele foi desenvolvida para ter um centro de gravidade mais baixo possível, o que pode ser retratado em seu design. Ela conta com vidro traseiro separado da grade do motor por dois painéis bem largos, enquanto a dianteira traz faróis de LED Matrix que formam um “C”, junto com entradas de ar inferiores, enquanto a traseira traz lanternas retangulares que se interligam entre si. 


No interior o destaque fica por conta do aspecto futuristas da cabine com a maioria dos controles concentrado no volante, enquanto os botões que restam ficam voltados para o motorista. O quadro de instrumentos usa uma tela de 16 polegadas e todo o console central foi feito para envolver o condutor e dar uma sensação de que se está em um carro de Fórmula 1. Na mecânica, destaque para o motor 3.9 V8 biturbo que desenvolve 780cv de potência, trabalhando em conjunto com três motores elétricos que geram mais 220cv. Combinados, eles entregam 1.000cv de potência, com câmbio automático de dupla embreagem de 8 marchas. Um dos motores elétricos é na verdade um MGU-K, sistema que recupera energia cinética para que seja reaproveitada nas acelerações. Esse motor fica localizado entre o motor a combustão e a transmissão, na mesma altura que o eixo traseiro. Os outros dois motores elétricos ficam nas rodas dianteiras e são os únicos a trabalhar ao colocar o carro no modo 100% elétrico eDrive. O motor elétrico pode rodar entre 25km/h a 135km/h. Ele conta com os modos Hybrid, Performance e Qualify. Ele acelera de 0 a 100km/h em 2,5 segundos e chega a velocidade máxima de 340km/h. Pesando 1.570kg, o SF90 Stradele tem uma aerodinâmica desenvolvida para produzir 390kg de downforce quando estiver a 250km/h. 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Jeep Renegade é convocado para recall no airbag que envolve 37.723 unidades

Fiat Doblò passa a ser vendido em versão única, Weekend ganha ar-condicionado e Uno chegam a 2020

Ford faz limpa no site e Fiesta, Focus, Focus Fastback e caminhões somem do portal

Hyundai revela as primeiras imagens e informações da nova geração do HB20

Ford confirma presença no Salão de Frankfurt para apresentar seus utilitários esportivos

Mercado, maio de 2019: Ferrari quadruplica vendas, VW e Chery aceleram e Ford tropeça para 7º

JAC inicia pré-venda do caminhão leve elétrico iET1200 no Brasil por R$259.990

Veteranos, Chevrolet Montana e Cobalt chegam a linha 2020 apenas com novos preços

Site diz que Ford desenvolve F-150 Raptor com motor V8 para ser lançada em 2020

Volkswagen apresenta Jetta GLI no país, com 230cv de potência, por R$144.990