Chevrolet revela na China as primeiras imagens oficiais do novo Tracker


Depois de apresentar a nova geração do Tracker no Salão do Automóvel de Xangai, em abril, a Chevrolet ficou de apresentar mais informações sobre o SUV compacto. Previsto para ser lançado no Brasil no início de 2020, o novo Tracker cresceu. Ele começa a ser vendido na China com preços entre 99.900 a 139.900 yuans (cerca de R$56 a R$78 mil) e deve ser vendido por lá em seis versões e dois motores. Ele deve ser vendido com motor 1.0 12v Turbo a gasolina que desenvolve 125cv e 18,3kgfm nas versões de acesso, com câmbio manual ou automático de 6 marchas. A versão mais acima fica por conta do motor 1.3 Turbo que entrega 165cv e 24,4kgfm de torque, com câmbio automático CVT. Este acelera de 0 a 100km/h em 8,9 segundos. De série deve ser vendido com central multimídia, chamada MyLink+, que usa aplicativos próprios, informações em tempo real obtidas por conexão 4G e suporte a Apple CarPlay e Baidu CarLife (similar ao Android Auto no Brasil). 


Ainda deve ter comandos ao veículo por voz, como ligar os faróis, mudar a temperatura do ar-condicionado ou abrir o teto-solar. Ainda contará com frenagem automática de emergência, aviso de colisão frontal, assistente de permanência em faixa e mais. Em sua terceira geração, o SUV compacto foi apresentado como o segundo carro da marca a ser desenvolvido com a plataforma modular emergente GEM. O Tracker 2020 traz inspiração no Orlando, principalmente na dianteira e na traseira, ao trazer grade dianteira hexagonal e as linhas verticais em LED nas extremidades do para-choque dianteiro. Na traseira, as linhas são mais arredondadas, sem a tampa do porta-malas retas do Orlando. As lanternas estão em posição mais elevadas e a boca do porta-malas também é elevada. Ele mede 4,27 metros de comprimento, 2,57 metros entre os eixos, 1,79 metro de largura e 1,60 metro de altura. O porta-malas cresceu para 390 litros, podendo chegar a 1.334 litros com o banco traseiro rebatido. Aqui ele deve ser produzido em São Caetano do Sul (SP), com motores 1.0 e 1.2 Turbo (este que deve ser um pouco parecido com o 1.3 chinês), com câmbio manual ou automático de 6 marchas. 





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Renault Megane Sedan vem ao Brasil até final de 2019, com motor 1.3 12v TCe Flex de 170cv

Novo Hyundai SantaFe deve ser lançado ainda neste mês de setembro no Brasil

Após polêmica, Hyundai revela oficialmente a traseira da nova geração do HB20S

Irmão menor do Jeep Renegade deve ser apresentado dentro de cinco anos

Mitsubishi Pajero Sport ganha teaser da primeira mudança visual da nova geração

Fiat apresenta Toro Ultra, que estreia no final do ano, com capota rígida de fábrica

Motores 1.0 e 1.4 EVO da Fiat devem se despedir do mercado a partir do segundo semestre desse ano!

JAC compra fábrica de Itumbiara (GO), da Suzuki, para a produção dos modelos T40 e T50

Kia Seltos será vendido com três opções de motores e quatro opções de câmbio

Mercedes-Benz confirma desenvolvimento do Classe A 250e Hybrid Plug-in