Adotando estratégia do Fox, Volkswagen deve simplificar o lineup do up! em breve


A Volkswagen deve criar uma nova estratégia de vendas do up! no mercado brasileiro. O hatch deve ser vendido com menos versões e otimizar as escolhas dos consumidores, algo parecido com que o Fox sofreu em 2017 ao passar a ser vendido nas versões Connect e Xtreme. De acordo com Pablo Di Si, Presidente da VW na América Latina, o up! deve passar por um enxugamento de versões a fim de facilitar a compra pelos clientes. “Ainda não sei os detalhes, mas certamente vamos diminuir a oferta de versões para facilitar a escolha do cliente”, explica Di Si. “Fizemos isso com o Fox. Ele agora tem apenas duas versões e suas vendas aumentaram 35%.”, disse o executivo em entrevista ao Motor1. Atualmente o up! é vendido nas versões Move, Cross e Pepper e é vendido com motor 1.0 12v MPI de 82/76cv de potência e o 1.0 12v TSI de 104/101cv de potência com preços que começam em R$52.860 e chegam a R$62.830. A Volkswagen pode seguir exatamente com a receita do Fox, oferecendo o up! com motor MPI para a Connect e o TSI para a Xtreme. O fim do câmbio automatizado I-Motion para o up! já foi confirmado com essa mudança no lineup. Possivelmente a versão Pepper seja eliminada e a Move e a Cross sejam rebatizadas. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Em Frankfurt, BMW confirma Série 8, X7 e Z4 para 2018 na Europa e em 2019 para o Brasil

Curiosidades: por que o disco de freio parece com ferrugem mesmo sendo novo?

Nova geração da Chevrolet S10 chega em 2022, maior e ainda mais globalizada

Renault Megane Sedan vem ao Brasil até final de 2019, com motor 1.3 12v TCe Flex de 170cv

Motores 1.0 e 1.4 EVO da Fiat devem se despedir do mercado a partir do segundo semestre desse ano!

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 1995!

Curiosidades: Quantos BTUs possui o ar-condicionado de um carro?

Curiosidades: Os carros mais vendidos do Brasil em 2001!

Curiosidades: Carros de Fórmula 1 tem o sistema ABS?

Chevrolet confirma fim de linha do Captiva, depois de nove anos de mercado e mais de 60.000 unidades