Nova geração do Toyota RAV4 chega até junho e será vendido só com motor 2.5 16v Hybrid


A Toyota confirmou que a nova geração do RAV4 deve ser lançada no Brasil no próximo mês de junho. Durante o Salão de Detroit, os executivos da Toyota revelam que a nova geração chega ao Brasil apenas com motor híbrido. Em sua quinta geração, o RAV4 conta com a nova filosofia de design da Toyota, que aposta em linhas mais ousadas e saindo um pouco do tradicionalismo. Entre os destaques estão a dianteira bem larga e alta, com estilo proeminente, enquanto a carroceria possui linhas mais retas, com direito à sobreposição de linhas na traseira. A dianteira conta com design bem expressivo, com faróis recortados e pequenos, além de uma grande grade dianteira hexagonal em dois estilos diferentes. O para-choque dianteiro também é diferente, ganhando molduras quadradas bem proeminentes nas extremidades, onde fica localizado os faróis de neblina, no caso da versão mais aventureira. As versões mais clássicas contam com design triangular. Na lateral, destaque para o teto reto, levemente inclinado na traseira, além de frisos pretos que marcam seu limite, presentes nas enormes colunas D. O teto pode vir preto, dependendo da versão e com barras longitudinais. Na traseira, as lanternas são retangulares e invadem a tampa do porta-malas. Além disso, um friso cromado une as duas lanternas. Segundo a Toyota, o RAV4 pode ser vendido com teto solar padrão ou duplo. As rodas são de 19 polegadas. Construído sobre a plataforma modular TNGA, o novo RAV4 possui 4,59 metros de comprimento, 2,68 metros de entre-eixos, 1,85 metro de largura e 1,69 metro de altura. Na mecânica, o motor 2.5 16v Hybrid que desenvolve 155cv de potência e 21,4kgfm com gasolina e conta com três motores elétricos de 143cv e 27,5kgfm. De maneira combinada, eles desenvolvem 220cv de potência, acoplado ao câmbio automático eCVT e tração nas quatro rodas com gerenciamento de força nos eixos e nas rodas, permitindo melhor distribuição de torque de acordo com as condições impostas ao veículo, inclusive nas curvas, onde a tecnologia permite modular a tração de forma a manter o SUV dentro da trajetória com segurança. Com esse motor, ele acelera de 0 a 100km/h em 7,8 segundos e consome 16,5km/l. Seus preços devem começar na casa dos R$150.000. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Subaru se despede do WRX STi na Espanha com série especial Final Edition

CAOA fecha acordo com Ford para a fábrica de São Bernardo do Campo (SP)

Nova geração do Hyundai HB20 pode substituir 1.6 16v e 1.0 Turbo pelo 1.0 12v TGDI

McLaren inaugura concessionária no Brasil e pretende vender 20 unidades no primeiro ano

Mercedes-Benz revela eSprinter em testes de durabilidade de componentes na Suécia

Renault vende todo primeiro lote do Zoe e já confirma encomenda de segundo lote

Volkswagen estuda desenvolver um Golf R Plus com 400cv na oitava geração

Volkswagen confirma que Tarek terá início da produção atrasada, na Argentina

Ford Territory deve ser lançado no Brasil, por pressão dos concessionários

Subaru convoca recall de Legacy GT e Outback no Brasil com defeito no airbag