Nova geração do Tesla Roadster deve voar, literalmente, segundo Elon Musk


A Tesla pode acabar desenvolvendo um carro voador. De acordo com o CEO da empresa, Elon Musk, disse em sua conta no Twitter que a nova geração do Roadster, que estreia em 2020, vai poder voar, literalmente. Um sistema desenvolvido pela Space X, batizado de Rocket Boosters, fará com que o conversível elétrico não precise assim usar tanto as rodas e pneus. Segundo Musk em seu perfil: “Eu não estou brincando. Ele usará um sistema de propulsão a gás frio da SpaceX em ultra-alta pressão. Esse composto ficará armazenado em um invólucro no lugar dos bancos traseiros”. A ideia não é fazer um carro voar, mas ele deve sair do solo em uma pequena distância. O executivo confirmou que será possível levantar o Roadster verticalmente ou andar horizontalmente com os propulsores. Ele deve ficar no ar por cerca de 400 metros por 8 segundos. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Subaru se despede do WRX STi na Espanha com série especial Final Edition

CAOA fecha acordo com Ford para a fábrica de São Bernardo do Campo (SP)

McLaren inaugura concessionária no Brasil e pretende vender 20 unidades no primeiro ano

Nova geração do Hyundai HB20 pode substituir 1.6 16v e 1.0 Turbo pelo 1.0 12v TGDI

Mercedes-Benz revela eSprinter em testes de durabilidade de componentes na Suécia

Volkswagen estuda desenvolver um Golf R Plus com 400cv na oitava geração

Volkswagen confirma que Tarek terá início da produção atrasada, na Argentina

Renault vende todo primeiro lote do Zoe e já confirma encomenda de segundo lote

Subaru convoca recall de Legacy GT e Outback no Brasil com defeito no airbag

Volkswagen Gol, Voyage e Saveiro chegam à linha 2020 com pequenas novidades