Ford confirma gama eletrificada com híbridos ou elétricos a partir do novo Focus na Europa


Depois do experimento com a geração passada do Ford Focus ao oferece-lo com motores a combustão como gasolina e diesel, além da inédita versão puramente elétrica, a Ford confirmou que deve eletrificar toda a sua gama. A informação interessa os consumidores europeus, que verão seus carros com opções híbridas ou elétricas a partir da quarta geração do Focus, lançada no continente em 2018. Em comunicado oficial recente, a Ford diz que confirma o fortalecimento e a competitividade de veículos eletrificados e a quarta geração do Focus terá um papel importante. A partir dele, todo lançamento da marca deve contar com uma opção híbrida ou elétrica. Outro ponto citado pelo comunicado foi que a Ford deve voltar a usar nomes icônicos em novos carros. Durante o comunicado, a Ford disse que "nomes icônicos que serão importados pela divisão europeia com base na herança histórica da Ford". Até o momento, sabe-se que a Ford pediu proteção aos nomes Puma, Maverick, Mach 1 e Bronco, por exemplo. Em contrapartida, a Ford não deve mais renovar as minivans C-MAX e Grand C-MAX, que devem sair de linha com baixa demanda. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nova geração de Chevrolet Onix deve ser vendida somente com motor 1.0 Turbo, inicialmente

Investimento em Goiana (PE) e Betim (MG) devem resultar em quatro SUVs de Fiat e Jeep

De acordo com site, FCA deve manter 1.8 16v EtorQ em linha até, pelo menos, 2025

Skoda apresenta oficialmente o Citigo-E iV com motor elétrico com autonomia de 265km

Ford EcoSport passa a ser vendido com opção de teto bicolor na versão FreeStyle

Peugeot registra patentes da nova geração da 508 SW, mas station infelizmente não vem

Firme e forte na China, Ford apresenta novo Taurus 2020 com mudanças visuais

Volkswagen descarta desenvolvimento de T-Cross com versões para PcD

Ferrari apresenta SF90 Stradele Hybrid, que se torna a Ferrari mais potente já produzida

Fiat 500X chega a marca de 500 mil unidades em cinco anos de lançamento