Renault Alaskan deve ser vendida apenas com motor Turbo Diesel, afirma executivo


A Renault confirmou que deve apresentar a Alaskan no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro. A picape teve seu lançamento adiado para o início de 2019 e a marca francesa confirmou que ela deve ser vendida exclusivamente com motor biturbo diesel. Segundo Hernán Bardi, diretor da Renault na Argentina, em entrevista ao Argentina Autoblog, disse que a picape deve ser produzida em Córdoba ao lado da Nissan Frontier e começa a ser produzida ainda este ano no complexo industrial. Confirmado, o motor 2.3 dCi turbo que desenvolve 160cv e 40kgfm e biturbo que entrega 190cv de potência e torque de 45,9kgfm, acoplado ao câmbio manual de 6 marchas para a versão menos potente e o automático de 7 velocidades em conjunto com tração traseira (160cv) e integral (190cv), enquanto a suspensão traseira traz eixo rígido com sistema multilink. O modelo tem capacidade para 1,1 tonelada e pode rebocar 3,5 toneladas. Segundo a Renault, a versão mais potente acelera de 0 a 100km/h em 12 segundos e chega a velocidade máxima de 160km/h. Até então acreditava-se que a picape fosse vendida também com o motor 2.5 16v Flex, que desenvolve entre 160cv a 170cv (dependendo do mercado) com torque na casa dos 25kgfm, acoplado a um câmbio manual de 6 marchas ou automático de 6 velocidades. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CAOA fecha acordo com Ford para a fábrica de São Bernardo do Campo (SP)

Ford Territory deve ser lançado no Brasil, por pressão dos concessionários

Fechado em janeiro em Detroit, Ford e Volkswagen assinam acordo de parceria

Kia inicia importação da nova geração do Cerato ao Brasil em lote de 2.400 unidades

Nissan Juke de segunda geração é flagrado pela primeira vez com camuflagem zebrada

Hyundai Venue é flagrado com pouca camuflagem na Índia e estreia dia 17

Chevrolet Onix e Prisma Joy devem receber mesmo design das atuais versões LT e LTZ

Renault vende todo primeiro lote do Zoe e já confirma encomenda de segundo lote

McLaren inaugura concessionária no Brasil e pretende vender 20 unidades no primeiro ano

Segundo revista, Jeep Cherokee retorna ao mercado em agosto, já reestilizado